domingo, 15 de maio de 2016

CANTINHO DA POESIA - SOMOS DEPENDENTES, DE MÃE - POR FELIPE JR

 
 
 
 
DEPENDENTES

Mãe é berço inocente de ternura
Que Deus enche de paz e de calor;
É o rebento que o filho, enfim, procura
Quando quer ser coberto pelo amor.

Toda mãe tem a mesma “assinatura”,
Mas Deus pôs em você bem mais valor
Ao dar mais um pouquinho de doçura
E um abraço que é mesmo acolhedor.

É você, vez por outra, quem me diz
Que essa minha aparência e a de Luís
São, portanto, fiéis aos mesmos traços.

Pra você algo a mais passou batido...
Nisso a gente, sem dúvida, é parecido:
Somos dois dependentes dos seus braços!

Luís Felipe e Felipe Júnior
Em 08 de maio de 2016
— com Cybelle Cândida.

7 comentários:

  1. Qta originalidade e poesia!! Parabéns!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CÉSAR ROBERTO DO NASCIMENTO15 de maio de 2016 21:13

      MUITO MASSA! A QUALIDADE DESTE BLOG DIFERE BASTANTE DOS QUE TENHO LIDO NA REGIÃO.PARABÉNS PELO NIVEL EDITORIAL

      Excluir
  2. Muito bonito. Gostei, vou começar a acompanhar seus escritos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uauauauau...

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  3. Selma Maria Carvalho15 de maio de 2016 21:11

    o que é muito bonito ele, o cara ou o poema?

    ResponderExcluir

Caro leitor, seja educado em seu comentário. O Blog Opinião reserva-se o direito de não publicar comentários de conteúdo difamatório e ofensivo, como também os que contenham palavras de baixo calão. Solicitamos a gentileza de colocarem o nome e sobrenome mesmo quando escolherem a opção anônimo. Pedimos respeito pela opinião alheia, mesmo que não concordemos com tudo que se diz.
Agradecemos a sua participação!

NOSSOS LEITORES PELO MUNDO!