domingo, 31 de julho de 2016

MOTOQUEIROS COMANDAM ONDA DE ASSALTOS A PEDESTRES - POR CARLOS FERRAZ

Quando tem uma ocorrência, depois do fato chega um efetivo que não tem condições de resolver

 Dupla de assaltantes

Medidas paliativas e pouco efetivas...


Quando alguns personagens da comunidade participam de eventuais reuniões programadas pela Prefeitura Municipal visando tratar assuntos de interesse coletivo junto a setores da sociedade, costumam apresentar soluções ilusórias, desmerecendo outras propostas realistas. Na última oportunidade foram contrários à divulgação da transparência local, querendo omitir o fato do município estar passando por questionáveis  momentos de violência. Chegaram a discordar daqueles posicionamentos tomados pelos órgãos informativos pretendendo alertar autoridades para resolução o quanto antes dos problemas crescentes e assustadores, porque tem-se o compromisso de atuar com lisura e independência, apontando que o medo caminha lado a lado com a população. Seria importante saberem os leitores que vem ocorrendo sucessivas abordagens nas vias públicas, recentemente, inclusive no entorno da Delegacia de Policia Civil, situada na Rua Francisca Lopes, Bairro Bom Jesus, na Zona Oeste de Triunfo, são localizações e horários que transeuntes nem imaginam poder acontecer.

A incompetência do Governo Estadual com o falido Pacto pela Vida, nunca procurando ampliar devidamente os efetivos policiais e a falta empenho do Governo Municipal, não promovendo instalação de câmeras de monitoramento (única forma de ser iniciado algum tipo investigação diante ao caos atual da  limitada área de segurança) deixando muito a desejar e  ocasionando vários registros e diversos relatos avulsos de agressões a conterrâneos nas imediações das seguintes vias: Avenida José Bezerra, Rua Padre Ibiapina, Avenida Frei Fernando, Rua Olympio Wanderley, Praça 15 de Novembro, Avenida Getúlio Vargas, Rua Cel. Manoel Siqueira Campos, Avenida Severiano Diniz, Rua Frei Ângelo, Avenida José Veríssimo dos Santos e outras. Necessita de prova maior para gerar a sensação de insegurança  e ser reivindicado policiamento? São assaltos cometidos abertamente à luz do dia ou cedo da noite, geralmente realizados por duplas de criminosos motoqueiros nessas artérias relativamente movimentadas, assustando todos. 

Essas ações desabonadoras  passam a ser lamentáveis novidades, devido a cidade  ser sinônimo da maior qualidade de vida no “Oásis do Sertão”. Antes tudo era muito tranquilo, nem se falava em roubos.Entre os principais fatores está  a ausência de atuação e presença dos efetivos das policias Militar e Civil. No passado com a população bem inferior e sem a considerável frequência de visitantes e turistas, mantinha-se a PMPE: um tenente, dois sargentos , dois cabos e oito soldados e a PCPE: delegado, comissário, escrivão e quatro agentes, diariamente E ainda postos policiais na vilas Canaã e Jericó. Quanta diferença! Hoje dispõem-se de uma viatura  da PM com dois militares e  um agente plantonista na DP, para o Município inteiro.Existe polícia? Acabou-se! O resultado está aí.. Não adianta desinformados querendo ser simpáticos às gestões municipais e estaduais, ficarem dando “pitacos”, sem o  pleno conhecimento do assunto ou alegando estar tudo: normal e tranquilo.




Por: Carlos Ferraz
         Editor/ Triunfo - PE

6 comentários:

  1. A insatisfação da população com a onda de violência na Cidade de Triunfo já é uma constante e principalmente desde o início do ano com os assassinatos,tentativas de assassinato, tocais, ameaças, explosão a banco (duas vezes em menos de um mês) assaltos em plena luz do dia, tráfico de drogas, dentre outros crimes. A indignação da população em que sejam apuradas a criminalidade principalmente no que se refere as mortes do Vereador Lucimar Feitosa, Ediniz, o outro que estava em lugar errado e na hora errada juntamente com Ediniz,Tentativa de homicídio contra o Gidenilson Magalhães Silva (Nilson do Sindicato)e tocais armadas a minha pessoa, ainda não tiveram seus inquéritos concluídos apesar do grande esforço do GOE que está atuando na área já que a Delegacia da Comarca além de não possuir efetivo, tem material e veículos sucateados e isso sem contar com o aparato necessário para se fazer perícias ou demais providências. Uma Delegada que apesar de sua competência, tem estado fazendo plantões em outras delegacias, mesmo se quisesse,como de fato gostaria, se vê de mãos atadas devido a falta de estrutura que oferece a Defesa Social do Estado. O Pacto Pela Vida, uma instituição falida, sem meios, sem nenhum respaldo técnico é outra motivação da descrença da população. O que se vê nas ruas, é o medo estampado nos rostos do povo que apesar de muitas vezes presenciarem fatos importantes e que poderiam ajudar na elucidação de fatos citados, são coagidos e temem pelas suas vidas e de seus familiares. Sabe-se que se assim acontece, provavelmente sejam bandidos da região, matadores de aluguel, mandantes motivados por motivo torpe. Quem deveria tomar às rédeas da situação e exigir do Estado providências sérias no sentido de melhoramento, aumento do efetivo militar e da polícia civil assim como instruções e capacitação da Guarda Municipal tem se mantido inerte. O povo clama por soluções e resolução destes abomináveis atos criminosos. Triunfo que era estampado nas páginas de Turismo, de cidade pacata, aparece em páginas policiais, blogs, televisão. É vergonhosa a indiferença dos governantes que sequer falam sobre o assunto não dando importância ao medo que assola toda a população.

    ResponderExcluir
  2. LUIZ CARLOS SILVA14 de julho de 2016 11:23

    QUEM ERA TRIUNFO! VC DORMIA DE PORTA ABERTA.

    ResponderExcluir
  3. Outro dia assaltaram uma moça na frente da casa da minha mãe na av José Bezerra.

    ResponderExcluir
  4. Ainda bem que vcs denunciam isso , porque se depende dos vereadores daqui vai continuar assim.

    ResponderExcluir
  5. QUE VERGONHA!!!!

    ResponderExcluir

Caro leitor, seja educado em seu comentário. O Blog Opinião reserva-se o direito de não publicar comentários de conteúdo difamatório e ofensivo, como também os que contenham palavras de baixo calão. Solicitamos a gentileza de colocarem o nome e sobrenome mesmo quando escolherem a opção anônimo. Pedimos respeito pela opinião alheia, mesmo que não concordemos com tudo que se diz.
Agradecemos a sua participação!

NOSSOS LEITORES PELO MUNDO!