terça-feira, 12 de abril de 2016

SAÚDE NA ERA PTRALHA - POR JOÃO VEIGA




Caro colega Bedson Sá,

Como médico exclusivo do SUS, "vivo" essa sua angústia diariamente.
Recebo pacientes com câncer, que poderiam ser tratados e curados e marco suas cirurgias para dezembro de 2016.
 
Mulheres com miomatoses uterinas sangrando diariamente e não tenho agenda, e elas ficarão com hemorragia até quando "deus quiser".
 
Bedson Sá, nos meus 26 anos de formado eu nunca vi um genocídios desses.

Os Petralhas dizem que somos radicais, que eu sou radical, e sou mesmo; fico frente a frente, todos os dias com serem humanos que precisam ser tratados para não morrer, para deixarem de sangrar e para poder ter uma vida sem dor, e não posso fazer nada. Se pelo menos acreditasse em algum deus para me confortar do sofrimento que esses pacientes passam.....mas não...., o que me resta a "desejar" que um petralha desse passe pela mesma situação que esse povo passa. 
 
Bedson, essa é a situação de milhares de colegas pelo Brasil. Um colega nosso urologista diz que não aguenta mais ver tanto sofrimento com os pacientes prostáticos que perambulam com uma sonda uretral pelos hospitais.
 
Hoje desejo qualquer governo que pare esse genocídio.

Tem mais, 

Em 1942 o pesquisador escocês Alexander Haddow, na floresta de Zika, margeada pelo lago Vitória, em Uganda, descobre o vírus Zika. Zika, na língua local significa "aquelo que cresceu demais". 

O mosquito que transmite esse vírus lá em Uganda é o Aedes aegypti formosus.
Em 2014, com a copa, esse vírus chega ao Brasil e é transmitido pelo mosquito Aedes aegypti aegypti.

Com um ministério da Saúde sendo leiloado e sucateado pela gestão Petralha, hoje enfrentamos, além do Zika, a chikungunya (aquele que anda encurvado) e os 04 sorotipos da Dengue.


Por: João Veiga
        Médico do SUS/PE

11 comentários:

  1. Grande médico e grande homem, Dr João Veiga, uma pessoa que detesta injustiças.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carlos Alberto da Silva12 de abril de 2016 18:13

      A classe médica precisa deixar de ser elitista e procurar ver o lado da população também.Mas, se acham uns intocáveis deuses, apenas pensando se dar bem e elevando patrimônios.

      Excluir
    2. Maria do Socorro Souza13 de abril de 2016 11:13

      Eu aconselharia um bom estudo da História do Brasil. A verdadeira. Ela existe.
      Aqui em São Paulo, funcionam excelentes hospitais públicos, excelentes postos de saúde e excelentes escolas públicas. Muito disto resultado do esforço de quem vcs chamam de petralhas. É claro que não há recurso prá tudo. E o povo tem que criar coragem e reivindicar, porque como já dizia Zeca Baleiro, "nada é de graça, nem o pão nem a cachaça".

      Excluir
  2. Aline M. Florentino12 de abril de 2016 17:21

    Dr. João Veiga é um cabra macho, que tem coragem de se posicionar contra os governos corruptos, bem diferente de outros colegas seus atrelados nas têtas de quem estiver no poder.

    ResponderExcluir
  3. Luiz Cláudio Moreira12 de abril de 2016 17:42

    Adoro pessoas assim destemidas e dispostas a discordar com o que está errado. A saúde deste País é uma vergonha e ainda tem gente que ignora.Até parece que nada disso tem haver com os malandros do PT e PCdoB.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thiago Nascimento12 de abril de 2016 18:17

      Fora Dilma! Fora Lula! Fora PT! Que essa gangue suma das nossas vidas.Basta!

      Excluir
    2. E não tem nada a ver com PT e PC do B! Tem a ver com o governo do Estado de PERNAMBUCO pois o repasse é feito da UNIÃO para ESTADOS e destes para MUNICÌPIOS. Acontece que o $ vai ficando no caminho e depois culpam o Presidente da República!

      Excluir
  4. Bento Vitorino Gomes12 de abril de 2016 18:06

    Meu Deus!! Tenha piedade deste povo que não tem culpa.

    ResponderExcluir
  5. Depende. Quem aperta 13 e confirma merece essa saúde.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As verbas da Saúde são repassadas para os ESTADOS que a repassam para seus MUNICÍPIOS! Reclamem ao seu prefeito, ao seu governador. Muita verba fica pelo "caminho", entendeu?

      Excluir

Caro leitor, seja educado em seu comentário. O Blog Opinião reserva-se o direito de não publicar comentários de conteúdo difamatório e ofensivo, como também os que contenham palavras de baixo calão. Solicitamos a gentileza de colocarem o nome e sobrenome mesmo quando escolherem a opção anônimo. Pedimos respeito pela opinião alheia, mesmo que não concordemos com tudo que se diz.
Agradecemos a sua participação!

NOSSOS LEITORES PELO MUNDO!