domingo, 11 de junho de 2017

SONHADA CENTRAL DE ABASTECIMENTO QUE NÃO FUNCIONOU - POR CARLOS FERRAZ





Desde aquele período nem tão distante que vivenciava-se,  no abençoado território, inesquecível fartura de produtos alimentares em geral - em função do permanente aumento das safras - onde surgiam por toda parte,  grandes armazéns e volumosos silos. Embora imaginando ainda hoje a grande  dificuldade de transporte e sua necessária função de escoamento, em  se tratando de integração com a guarda e conservação especialmente dos grãos, desde as fontes produtivas geralmente na zona rural distante, periférica ou pontos de  exportação para municípios circunvizinhos.   A exemplo das feira-livres de : Serra Talhada, Calumbi, Betânia, Flores , Carnaíba, Afogados da Ingazeira,  Sertânia, Tabira, Custódia, Ibimirim, São José do Egito, Floresta, Salgueiro,  Parnamirim, São José do Belmonte, Mirandiba e as paraibanas Princesa Isabel,  Monteiro, Tavares, Manaíra. 

Reconhecendo não suportar o acréscimo surpreendente no volume das colheitas que se destacavam pelas imensas  plantações  de cafe, cana-de-açúcar, mandioca, milho, feijão e diversos alimentos de subsistência - mais frutas, verduras, hortaliças, flores  e a tradicional rapadura - adotaram rapidamente espertos compradores,  habituados na revenda,  a capacidade operacional,  utilizando programação realista e menos dispendiosa, - comum a atuantes visionários da  iniciativa privada: receber na fonte para evitar desperdício e obter melhor lucro quando atravessada a  qualificada mercadoria - reconhecida  nas diversas regiões onde comercializadas -  perfazendo assim  com integral sucesso a  capacidade dinâmica e visualizada dos históricos personagens mercadores.

Depois da análise substancial e reflexão feita, esses começaram a aparecer, na véspera ( sexta-feira no final da tarde) ou na data específica ( sábado ainda na madrugada), abastecendo dezenas de caminhões a serem  transportados aos destinos originais..Façanha que estimulou apresentar na Câmara de Vereadores a proposição legislativa  que sugeria a 'Central de Abastecimento de Triunfo',ou 'Mini-Ceasa' ,  na tentativa de valorizar a produção.Seria a aguardada colheita  recolhida, armazenada e negociada a preço justo, para desalento dos atravessadores que diminuiriam a margem de lucro. A mesma foi aprovada e construída  na administração do prefeito Eduardo Melo,  por recursos do Governo Federal , ao lado do Ginásio de Esportes Irmã Rafaela Aberlher. Depois, abandonada e destruída pelo sucessor,  sem nunca haver funcionado um minuto sequer, resolvendo  fazer doação do material a seguidores. ..




Por: Carlos Ferraz
        TRIUNFO - PE

8 comentários:

  1. Poxa, amigo!! Que absurdo!! Qta ausência de senso administrativo e competência gerencial do Governo Municipal da NOSSA Triunfo!! Qta perda econômica nesse desgoverno!!
    Confiante estou de que nosso amigo prefeito, Batista, retomará todas essas questões postas de lado, arbitrariamente, por seus antecessores..., elevando nosso município ao destaque econômico, a ele inerente, desde SEMPRE, no sertão Pernambuco...
    Amigo Batista, confiamos em você...
    Por favor, NÃO nos decepcione!!

    Carlinhos, PARABÉNS!!! Fanzona, sempre...!! Continua atento...e trazendo para nós TODAS as pendências e arbitrariedades administrativas...
    PRECISAMOS, e MUITO..., desses olhares de lince peculiarmente teus...

    ResponderExcluir
  2. UM ABSURDO INCONCEBÍVEL. CRIME DE LESA PATRIMÔNIO E RECURSOS PÚBLICOS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Antonio Marcos Florentino5 de junho de 2017 22:55

      Sempre ouvi dizer que Triunfo era um município privilegiado e abastecedor de frutas e verduras para outros lugares.

      Excluir
  3. Carlos Ferraz, não sei mesmo o que seria Triunfo se não acontecesse a sua intervenção nos mais diversos setores municipais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entre as principais bandeira de Ferraz estão a responsabilidade financeira e o fortalecimento do turismo, como solução de elevar a administração municipal.

      Excluir
  4. Uma visão invejável que deveria ser aproveitada pela administração da cidade. Faz sim a diferença!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos vítimas de muitos solavancos de políticos sem competência que não possuem condições de administrar um município como deveria.

      Excluir
  5. O lançamento de novas propostas na gestão de Batista tem ecoado esperança de um futuro melhor para todos.

    ResponderExcluir

Caro leitor, seja educado em seu comentário. O Blog Opinião reserva-se o direito de não publicar comentários de conteúdo difamatório e ofensivo, como também os que contenham palavras de baixo calão. Solicitamos a gentileza de colocarem o nome e sobrenome mesmo quando escolherem a opção anônimo. Pedimos respeito pela opinião alheia, mesmo que não concordemos com tudo que se diz.
Agradecemos a sua participação!

NOSSOS LEITORES PELO MUNDO!